logotipo sobre relacionamento

Home | Sobre | Contato | p/Solteiras

6 erros cometidos em muitos relacionamentos

Como Conquistar Um Homem
Muitos casais tem se destruido por cometerem erros, pecados mortais no seu relacionamento. Então nesta nossa postagem, mostraremos quais são os 6 (seis) erros que não se pode cometer num relacionamento de nenhuma maneira. Confira logo abaixo:

1 - Mencionar a palavra "Separação": 

 Para muitos casais, qualquer desentendimento tem sido motivo para terminar, então na menor das brigas um diz para o outro: "Se continuar assim vou pedir a separação". E mencionar isso muitas vezes dentro de um relacionamento, pode trazer muitas duvidas e insegurança ao casal, pois sempre haverá o medo de um perder o outro e isso acaba com a paz dentro da relação. O mais adequado é sentar e conversar sobre o problema para que seja resolvido e tentar evitar ao máximo as brigas conjugais.
6 erros cometidos em muitos relacionamentos

2 - Lembrar de assuntos dolorosos do passado:

Muitos relacionamentos estão se acabando porque um dos dois acaba tocando em assuntos que aparentemente ja estavam enterrados. Trazer a tona lembranças dolorosas do passado, também traz consigo dores e sofrimentos do passado. Por isso o idela é perdoar e seguir em frente e nunca mais tocar em assuntos que ja deram o que tinham que dar. Perdoar sempre gera um ponto a mais dentro de um relacionamento. O casal precisa olhar pra frente.

 3 - Brigar em público ou na frente dos filhos: 

Ninguém gosta de ser chamado atenção na frente dos outros, receber bronca então nem pensar. Quando algo sai como não deveria, o melhor local para se resolver os problemas do casal é entre quatro paredes. Jamais chame a atenção do seu companheiro ou companheira na frente dos outros e sempre procures conversar a sós. E muito menos na frente dos filhos, pois se eles crescem vendo os desentendimentos dos dois, vão seguir os mesmo exemplos nos seus relacionamentos. 

4 - Nunca "pisar no freio": 

As discussões as vezes são inevitáveis, mas é como conduzimos ela que determina se vai acabar bem ou mal. Se nenhum dos dois resolver dá uma trégua, a coisa fica feia. Por isso, "pise no freio". Se você percebe que a discussão está indo longe demais, você tem o poder de acabar com ela. Quando um não quer, dois não brigam.

5 - Agredir o companheiro: 

O pior da agressão, não são as marcas deixadas pelo corpo, mas sim a marca deixada na alma. Tudo fica péssimo quando a agressão passa para o plano físico. Quem agride sempre esquece. Mas e quem foi agredido? Saber respeitar e tratar bem a pessoa amada é o ponto principal e quem ama jamais parte para a violência.

 6 - Ir para a cama com raiva um do outro:

As pessoas tem a mania de deixar tudo para o outro dia, mas na vida sentimental não pode ser assim. Se você brigou com quem ama, não deixe pro outro dia para fazer as pazes. Nunca vá dormir magoado. A cama é lugar sagrado e todos os problemas não devem passar dela. O que acontece no dia, tem que ser resolvido na cama. É amar e se entregar.


A última dica


Se você quiser salvar seu relacionamento de verdade, eu deixo abaixo a recomendação de um curso criado por um especialista comportamental:




Att,

Alan Ribeiro

*Você se sentiria feliz em compartilhar este artigo?

Somente clique no botão se
você nunca foi feliz no amor!

4 comentários:

  1. Òtimo texto, era tudo o que precisava ler, obrigado pelas dicas ^^

    ResponderExcluir
  2. Acho certo o que você falou nos pontos 3, 5 e 6. Acho que a melhor dia e a de tentar entender a pessoa com que você ta tendo uma relação e não ser orgulhoso para poder chegar num ponto meio.
    Mas depois fica meio "ante qualquer situação ruim: Negação. Faça como que ta tudo certo e viva uma vida com uma pessoa que você na verdade não ama"
    Não falar da separação não vai manter vocês juntos para sempre. So vai ser por um mais de tempo... se você, depois de tentar muito, não consegue conviver com a pessoa, então abre mão! seja feliz. Viva a vida. Não e a morte de ninguém.

    ResponderExcluir

Cuidado com palavrões e ofensas de qualquer tipo discriminatório.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.